Excesso de refrigerante tem mesmo efeito que drogas sobre os dentes

Segundo pesquisadores norte-americanos, grandes quantidades de refrigerante com gás pode ter o mesmo efeitos prejudiciais para os dentes que drogas como a cocaína, o crack e as metanfetaminas.

Publicado no General Dentistry, o estudo mostrou que o consumo de drogas ilícitas e o consumo abusivo de sódio podem causar danos similares aos dentes através do processo de erosão dentária. Essa ocorre quando um ácido desgasta o esmalte dos dentes, o que os torna mais suscetíveis ao desenvolvimento de cáries, dor, sensibilidade, rachaduras e opacidade.

O estudo envolveu três pacientes: um usuário de metanfetamina, um com histórico de uso de cocaína e um que consumia refrigerantes diets exageradamente (cerca de 2 litros diários durante três a cinco anos). Os participantes afirmaram ter má higiene bucal e não visitar um dentista regularmente.

Os resultados mostraram que os três participantes apresentavam níveis semelhantes de danos dentários, o que, de acordo com os pesquisadores, serve de alerta para os consumidores de refrigerantes sobre as consequências de exagerar na bebida.

Fonte: United Press International

Excesso de refrigerante tem mesmo efeito que drogas sobre os dentes
Rolar para o topo