Uso de celulares pode afetar fertilidade masculina

Homens diagnosticados com má qualidade do esperma devem limitar o uso de telefones celulares. Segundo pesquisadores da Universidade de Queens, no Canadá, embora o uso do telefone celular pareça aumentar o nível de testosterona circulando no organismo, ele pode também levar à baixa qualidade do esperma e a uma diminuição na fertilidade.

Analisando um grupo de homens, os pesquisadores observaram que aqueles que relataram maior uso de telefones celulares tinham maiores níveis de testosterona circulante, mas apresentavam níveis menores do hormônio luteinizante (LH), um importante hormônio reprodutivo que é secretado pela glândula pituitária no cérebro.

Os pesquisadores acreditam que as ondas eletromagnéticas emitidas pelos telefones celulares podem ter um duplo efeito sobre os níveis dos hormônios masculinos e sobre a fertilidade. Ondas eletromagnéticas podem aumentar o número de células dos testículos que produzem testosterona, mas também diminuir os níveis de hormônio luteinizante excretada pela glândula pituitária.

Mais informações: United Press International

Uso de celulares pode afetar fertilidade masculina
Rolar para o topo